quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Um pouco antes do manifesto - sobre imagens e tecnologias

Espaço e tempo são suportes da presença atingidos por um tipo de imagem. Conforme, Lyotard in Parente, na forma moderna, só nos resta o espaço e o tempo e na forma pós-moderna(?) não permanece nem mesmo o espaço e o tempo. Perguntas de Lyotard: Como o sentimento estético pode sobreviver a uma representação calculada que destrói a presentação e à interatividade que arruina a passibilidade? Perdemos a arte e a terra, o que ganhamos? Poderá o desenraizamento provocado pelas novas tecnologias nos levar a emancipação? O que acontecerá com o nosso corpo diante do desaparecimento do espaço e do tempo? 
Na verdade é sobre outras tantas coisas. tudo isso por conta de um manifesto sem pé nem cabeça, que virá depois. depois virá outras pesquisas, potências e asneiras, até não sei chegar aonde eu quero: simplesmente nada!

Nenhum comentário:

Postar um comentário